Porque Síndicos Profissionais estão ganhando tanto dinheiro

Porque Síndicos Profissionais estão ganhando tanto dinheiro

Acabou-se o tempo em que os condomínios exigiam muito pouco dos síndicos. Hoje, profissionalismo é palavra-chave nas administrações condominiais.

O síndico precisa saber gerir uma equipe de profissionais, sejam eles próprios ou terceirizados, contratar prestadores de serviços e ainda lidar com conflitos entre moradores.

Não raro, muitas vezes com um caixa apertado, sacrificado pela alta inadimplência, tão comum nos condomínios. Alguns síndicos contam com a isenção da sua taxa condominial apenas. Casos comuns em pequenas edificações e o sindico (a) é orgânico (a).

O Sindico Profissional DE FATO, investem tempo e energia em prol da comunidade e recebe justa remuneração.

Trabalha para não deixar desvalorizar o patrimônio dos outros, lida diretamente com os conflitos de todos os tipos, gera economia para a edificação, evita ao máximo as famosas taxas extras, sempre faz benfeitorias e obras de reparo.

Em suma: O Sindico Profissional de verdade (há os amadores que se dizem profissionais) só gera vantagens para todos.

Exemplo de remuneração. Um edifício residencial com até 50 unidades, sem elevadores, nem piscina, salão de festas e outras áreas de lazer, proporciona uma remuneração mensal não inferior a R$ 3.000,00 mês.

O mesmo prédio com todas as áreas de lazer acima mencionadas, mais portaria 24 horas, já recebe remuneração igual ou superior a R$ 6.000,00 ou R$ 7.000,00.

Com duas ou três visitas semanais, parte da manhã ou de tarde.

Daí a facilidade para gerir três, quatro ou cinco condomínios de uma vez.

Dai o interesse de muitos profissionais liberais como engenheiros, arquitetos, contadores migrarem para esta área extremamente promissora.

Claro que, o Sindico Profissional DE FATO, trabalha por contrato, emite nora fiscal e é eleito (a) em assembleia.

O mercado é gigante. A mão de obra especializada pequena. Por isso os PROFISSIONAIS investem em cursos de qualificação e estão sempre atentos às novidades, principalmente tecnológicas.

Vários profissionais foram além criando empresas com capacidade de gerir mais de 200 condomínios. Evidente que, com estrutura que comporte todo o atendimento sem perder qualidade.

Profissionalismo é chave de tudo.

Regra de ouro do Sindico Profissional DE FATO: não colocar as mãos em dinheiro!

Seu cargo é executivo. A parte administrativa fica com a Administradora de Condomínios.

Se você pensa em contratar um profissional da área, pesquise mais. Vale muito a pena.